Projeto Arte no Currículo expõe talento de alunos da rede

01 de dez de 2015 - Jornalismo

Uma das igrejas mais antigas da capital baiana, a Igreja da Barroquinha, agora Espaço Cultural da Barroquinha, e o Teatro Gregório de Mattos, foram palco, nesta segunda-feira (30), para centenas de alunos da rede municipal de Salvador que participaram da Mostra de Artes e Cultura do Projeto Arte no Currículo. A ação é fruto do convênio entre a Secretaria Municipal da Educação (SMED) e a UFBA, e objetivou a qualificação e a potencialização das diversas manifestações artísticas dentro do currículo praticado nas escolas públicas municipais.

Segundo a professora Beth Rangel, coordenadora do Projeto Arte no Currículo, “introduzir as mais diversas manifestações artísticas no currículo escolar, além de favorecer o aparecimento de novos talentos, a aprendizagem e a absorção de conhecimentos, colabora diretamente para a formação cidadã das crianças e adolescentes que passam a ter uma visão mais abrangente do mundo e da sociedade à sua volta”.

MostraArte3

Durante a Mostra de Arte e Educação foram apresentados 43 trabalhos selecionados da produção teatral, musical e de dança de professores e alunos da rede municipal. As apresentações mobilizaram mais de 900 alunos que exibiram suas performances para a uma plateia formada por alunos, professores e convidados, dentre eles, o secretário municipal da educação, Guilherme Bellintani, que em companhia de Joelice Braga, Diretora Pedagógica da SMED, acompanhou atentamente as apresentações que se desenrolaram no Teatro Gregório de Mattos, no Palco da Central Barroquinha, montado em frente a Igreja da Barroquinha, e também no espaço para apresentações no interior da Igreja.

Emoção e música – A professora Elvira Pinheiro regeu o coral formado por 35 vozes composto por alunos do 2º, 3º e 4º anos da Escola Municipal do Vale das Pedrinhas que apresentaram duas canções durante a Mostra. Professora Elvira destacou que, “a participação dos alunos em um evento amplo e organizado valoriza o trabalho e favorece o conhecimento de nossa cultura e tradições”. A programação foi totalmente preenchida por atividades artísticas realizadas por alunos da rede municipal.

MostraArte

Recitais de poesias, apresentações musicais e teatrais, apresentação de Fanfarras atraíram os convidados para um mundo de talentos e diversidade artística e confirmaram a crença de que educação e artes juntas podem contribuir para formação mais sólida e plural dos alunos que passam a conhecer através das manifestações artísticas os mais diversos conteúdos culturais, aprendendo sobre convivência, disciplina e superação de limites.