pinflix yespornplease porncuze.com porn800.me porn600.me tube300.me tube100.me watchfreepornsex.com

Rede municipal se prepara para início do ano letivo

31 de jan de 2012 - dev

A Jornada Pedagógica 2012, que prepara toda a rede municipal de Salvador para o início do ano letivo, começou nesta terça-feira (31), com um encontro de gestores, no Hotel Fiesta. Os diretores saíram de lá estimulados para o retorno das aulas e para compartilhar as propostas e ações com a equipe escolar. “Todo início de ano a esperança se renova. E a Jornada nos faz refletir sobre os momentos de 2011 e as ações para o novo ano letivo, além de pensar numa maneira de acolher os educadores e alunos”, explica a gestora Geane Nunes, da Escola Municipal Sociedade Tomé de Souza, no bairro do Uruguai.

A jornada, realizada pela Secretaria Municipal da Educação, Cultura, Esporte e Lazer (Secult), terá continuidade nos dias 01, 03 e 06 de fevereiro, nas 425 unidades escolares, preparando e motivando os mais de seis mil professores e coordenadores pedagógicos para receberem os alunos, que retornam as aulas no dia 7 de fevereiro.

“Aprendizagem: compromisso de todos” é o tema adotado deste ano e foi debatido na palestra ministrada pelo Doutor em Educação Eliseu Clementino de Souza nesta terça-feira. A rede optou pelo tema por considerar que a educação, vista pelo prisma da aprendizagem, garante aos alunos o sucesso na construção de novos conhecimentos. “A Jornada é um momento crucial. É quando nós assumimos um “acordo” para que tudo que planejamos seja cumprido durante o ano”, conta a diretora Olívia Guerreiro, da Escola Municipal Almerinda Costa, na Cidade Baixa.

Durante o evento, o secretário João Carlos Bacelar falou sobre as medidas adotadas para melhorar a aprendizagem dos alunos e valorizar o trabalho dos educadores. “Viramos a página de salários atrasados, os professores tiveram reajuste salarial de 19,84%, estamos reestruturando a rede física escolar, investindo em tecnologia, enfim, colocando a educação em primeiro lugar”, ressalta.

“Nosso desafio é construir em Salvador uma escola pública que ofereça aos alunos as mesmas chances dos estudantes de escolas particulares, derrubando o muro da desigualdade social que separa essas crianças”, conclui o secretário.